Turismo | A destemida Palermo


Chegamos à cidade da Máfia. O autêntico berço da Máfia italiana conhecida no mundo inteiro.
Um local incrível com praias deslumbrantes e repletas de gente interessante.
A cidade ferve de dia e de noite.  Por sinal a noite de Palermo é bastante agitada com seus restaurantes, bares e discos.
Aos finais de semana diversas ruas e praças ficam fechadas para que montem mesas e lounges espalhados onde todos curtem música, boa bebida e claro uma comida maravilhosa.
Vale a pena passar um final de semana inteirinho por lá e curtir até de madrugada.
Palermo é uma comuna italiana, capital da Cidade metropolitana de Palermo e da Região Siciliana, sendo a maior cidade da ilha da Sicília.  Está localizada na costa norte da ilha, estendendo-se por uma área de 158 km². É a quinta mais populosa cidade italiana e o principal centro cultural, histórico e econômico da Sicília. Sua população hoje tem em média 1 milhão de habitantes.
Com um lindíssimo porto, praias assombrosas e montanhas alcantiladas, Palermo tem sido povoada desde tempos imemoriais. Repleta de culturas em constante mutação e mudando constantemente de alianças políticas e comerciais, já foi considerada a “mais conquistada cidade do Mundo”.
Obrigatório visitar o Palácio Real, a Duomo, Praça Pretoria, o Museu das Marionetes Antonio Pasqualino e o Teatro Politeama Garilbaldi. Outros monumentos lindíssimos, se tiver tempo, também merecem nossas atenções.
O mais conhecido mercado de Palermo funciona na Praça da Concórdia e ruas laterais e leva o nome de Vucciria. Uma autêntica atração turística com tudo o que existe de mais típico e interessante. Impossível não ficar umas 3 horas garimpando o todo que existe por lá.
Ficamos ali hospedados no clássico Hotel Hilton Excelsior Palermo. Um ponto a ser conhecido caso não opte pela hospedagem local. Recebeu por anos importantes figuras públicas do mundo, bem como festas nababescas (http://www.accorhotels.com/pt/hotel-9802-mercure-palermo-excelsior-city).